Presidente da Câmara diz que não vai permitir ‘excessos’ durante campanha eleitoral

| 28/05/2022
- 16:09
Presidente da Câmara
Presidente da Câmara. Foto: Marcos Ermínio.

O presidente da Câmara Municipal de Campo Grande, vereador Carlos Augusto Borges, o Carlão do PSB, diz que não vai permitir ‘exageros’ durante a campanha eleitoral de 2022.

“Existem dois tipos de regras: o que pode e o que não pode. A questão da é outro tema importante sobre os recursos que podem ou não ser usados neste período. Fizemos um decreto e todos os vereadores estão cientes”.

Carlão também adianta que todos os parlamentares estão sabendo das medidas que serão tomadas pela Casa de Leis.

“Vai depender muito deles. Não cometer excesso dentro do plenário, não pode fazer propaganda dentro da Câmara entregando santinho. Os carros no estacionamento podem ficar com adesivos, pois vivemos em uma democracia. O que vamos proibir são os excessos”, explicou.

Eleições de 2022 e a Câmara Municipal

A de Campo Grande vai restringir o uso da verba indenizatória para vereadores que, em 2022, sejam candidatos aos cargos em disputa nas eleições 2022. O documento está no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) de 3 de maio.

Contudo, o ato terá validade somente a partir de 2 de julho de 2022, três meses antes do pleito eleitoral que será em 2 de outubro. Um segundo ato, publicado no mesmo dia, impede campanha e pedido de voto, por exemplo, nas dependências da Casa de Leis.

Veja também

Vereadores votaram parecer durante a sessão extraordinária realizada nesta terça-feira (05)

Últimas notícias