Impedido de disputar as eleições, Delcídio do Amaral diz que o foco é 'estruturar o PTB' em MS

Ex-senador teve o mandato cassado por quebra de decoro parlamentar
| 17/03/2022
- 21:27
Delcídio durante evento oficial do PTB em MS
Delcídio durante evento oficial do PTB em MS - Foto: Henrique Arakaki / Midiamax

O ex-senador Delcídio do Amaral (PTB) segue inelegível e ressaltou que o foco para estas eleições é estruturar o partido, dando a apoio político e financeiro. Delcídio atua como presidente do PTB no - partido que apoia a reeleição do presidente Jair Bolsonaro (PL) - após se desligar do PT, partido o qual seguiu por anos.

Ao Jornal Midiamax, o ex-senador afirmou que o partido vai bem politicamente e segue trabalhando na composição das chapas, tanto majoritária quanto para as proporcionais.

"Estamos com as chapas praticamente prontas, faltam apenas alguns ajustes pontuais. Porém, o partido irá definir tudo nas convenções. O meu desafio é organizar o partido estruturalmente e financeiramente", disse. 

Inelegibilidade 

Delcídio do Amaral virou reú na operação Lava Jato entre 2015 e 2016, foi preso durante o exercício do mandato. O ex-senador foi acusado de tentar obstruir as investigações ao oferecer um plano de fuga e uma mesada de R$ 50 mil ao ex-diretor da Petrobras, na época, para evitar uma delação premiada. 

Após isso, teve o mandato cassado por quebra de decoro parlamentar e ficou inelegível pela Lei da até 2027. 

Veja também

Últimas notícias