Dois são contra, mas projeto que cria Dia de Combate às Fake News em MS é aprovado na Alems

Contrário, Coronel David considerou projeto de lei "atentado à liberdade de expressão"
| 27/04/2022
- 10:07
Projeto de lei deve ser votado em primeira discussão
Projeto de lei deve ser votado em primeira discussão - Reprodução, Arquivo

Deputados estaduais de Mato Grosso do Sul, (PL) e Capitão Contar (PRTB) votaram contra projeto de lei que pretende criar no Estado o Dia Estadual de Combate às .

Apresentado pelo deputado Pedro Kemp (PT), a proposta institui 4 de agosto como o Dia Estadual e nesta data serão realizadas, anualmente, ações educativas de conscientização e prevenção às notícias falsas.

Durante a votação, David votou contra com a alegação de atentado à liberdade de expressão. “Tudo que se refere à fake news leva dúvida às pessoas e principalmente empresas que se julgam checadoras dessas fake news e acho um atentado à liberdade de expressão”.

Contar, que a princípio votou sim, voltou atrás antes de finalizar a votação. “Gostaria de rever e me somar à manifestação do Coronel David. Muito pertinente. Voto não”.

Autor da proposta, Kemp rebateu o voto contrário de David. “Ser favorável à divulgação de mentiras e notícias sob alegação de defender a liberdade de expressão é absurdo. Temos que combater todo tipo de notícia falsa que tem feito mal ao país tanto na esfera da política, quanto na esfera da educação e saúde”.

Entretanto, o projeto foi aprovado com 13 votos favoráveis e segue para sanção ou veto do governo estadual.

Veja também

Lonas pretas cobrem todas as placas de obras pelo Parque dos Poderes, em Campo Grande

Últimas notícias