Política

Após intimação, candidatos em Sidrolândia apresentam atas de apoio do mesmo partido

Juiz intimou Enelvo Felini e Vanda Camilo a comprovar quem coligou com a legenda

Adriel Mattos Publicado em 28/05/2021, às 19h10

Sede da 31ª Zona Eleitoral de Sidrolândia
Sede da 31ª Zona Eleitoral de Sidrolândia - Foto: Reprodução/Foursquare

Os dois candidatos a prefeito de Sidrolândia apresentaram no fim da tarde desta sexta-feira (28) documentos que comprovariam que ambos receberam o apoio de um mesmo partido na eleição suplementar de 12 de junho. Enelvo Felini (PSDB) e Vanda Camilo (PP) foram intimados há dois dias.

O tucano e a pepista alegam que suas coligações têm a Rede Sustentabilidade como uma das legendas de apoio. Porém, a ata apresentada pela direção municipal aponta que Vanda tem o aval da Rede.

Hoje, a defesa dos dois candidatos apresentaram edital de convocação da convenção, ata e lista de presença que comprovam que cada um teria o apoio. Caberá ao juiz Cláudio Müller Pareja decidir em qual coligação a legenda permanecerá.

Nova eleição

novo pleito foi convocado pelo TRE após o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) decidir manter a impugnação do registro de candidatura de Daltro Fiúza (MDB), eleito em novembro. Sem ser diplomado e consequentemente impedido de tomar posse, Vanda assumiu a prefeitura, após ser eleita presidente da Câmara Municipal.

O processo foi retomado de onde parou, ou seja, a disputa continua entre dois candidatos: a prefeita interina e presidente da Câmara Municipal, Vanda Camilo (PP); e o ex-prefeito e ex-deputado estadual Enelvo Felini (PSDB). 

Jornal Midiamax