Política

Em 2 dias, hotel luxuoso de Brasília é palco de prisões de Delcídio e Bumlai

Auxílio-moradia é de R$ 5,5 mil mensais

Evelin Cáceres Publicado em 25/11/2015, às 13h01

None
hotel_1.jpg

Auxílio-moradia é de R$ 5,5 mil mensais

O hotel Golden Tulip Brasília Alvorada foi o palco das prisões do senador Delcídio do Amaral (PT) nesta quarta-feira (25) e de José Carlos Bumlai nesta terça-feira (24). O senador mora no local e o amigo do ex-presidente Lula estava hospedado lá para depor ao BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento).

Todos os apartamentos do Hotel Golden Tulip Brasília Alvorada são equipados com: varanda mobiliada, sala, mini copa, mesa de trabalho, ar condicionado, dois telefones (um na mesa de trabalho e outro ao lado da cama), cofre eletrônico, TV a cabo, acesso à Internet e minibar. Banheiros equipados com ducha higiênica e secador de cabelo.

O senador utiliza o auxílio-moradia do Senado e não um imóvel funcional. Neste ano, ele utilizou a verba por dez meses, segundo o site da Transparência da Casa. O valor máximo mensal disponibilizado é de R$ 5.500,00, com a finalidade de cobrir despesas com aluguel ou diária de hotel. O auxílio-moradia só será pago mediante a apresentação da nota fiscal emitida pelo estabelecimento hoteleiro ou do recibo emitido pelo locador do imóvel residencial ocupado pelo parlamentar. 

Jornal Midiamax