O comerciante Lucas Sanches, que teve prejuízo de R$ 60 mil com a loja de roupas roubada na Rua Palmacia, na Vila Moreninha II, em , comenta que teve uma reação de ‘desgosto' ao se deparar com o furto nesta quarta-feira (10).

Em contato com o Jornal Midiamax, o comerciante explicou que acordou às 3h25 da madrugada com o celular tocando. Ele olhou nas câmeras de segurança e viu que alguém tinha entrado no estabelecimento. A reação, segundo ele, foi de desgosto. 

“Tive uma reação de desgosto ao ver tudo aquilo. [Sensação] de você trabalhar muito e, às vezes, ter muita dificuldade para conquistar aquilo que almeja e as pessoas virem e roubar seus sonhos”, lamenta Lucas. 

Os bandidos usaram uma tesoura “corta vergalhão” para abrir a grade e quebraram a porta de vidro. Quando adentraram a loja, eles arrancaram as araras e levaram , sapatos e acessórios. Câmeras de segurança registraram toda a ação dos criminosos, que durou cerca de três minutos.

Com cinco anos de loja, essa é a primeira vez que o empresário é vítima de furto, mas ele comenta que o bairro tem registrado ação de bandidos com frequência. “Outros vizinhos comerciantes já foram roubados aqui no bairro. Uma loja masculina já foi roubada com as mesmas características desse ocorrido na minha e, inclusive, o mesmo carro”, comenta.

Entre calças, bermudas, camisetas e tênis de marcas como Nike, Jordan, Lacoste, Prada, Diesel, Burberry, Armani e Balman, o prejuízo sofrido pelo comerciante é de R$ 50 mil a R$ 60 mil.

Agora, para se reerguer e retomar a venda de roupas, Lucas está realizando uma Vakinha online. Clique aqui para conhecer.