Um veículo Renault Sandero foi encontrado totalmente incendiado em uma das ruas do Jardim Aurora, em Pedro Juan Caballero, na fronteira com o Paraguai. A polícia investiga se o carro pode ter sido usado durante a chacina do último sábado (7) em Ponta Porã, quando quatro jovens foram executados.

De acordo com levantamentos da polícia paraguaia, trata-se de um Renault Sandero, de cor prata, com placas NJN 4F48 de Rio Brilhante. O veículo passará por exames periciais da Polícia Nacional.

As quatro vítimas da chacina na madrugada desse sábado em Ponta Porã, na fronteira com Pedro Juan Caballero, foram atacadas quando chegavam em casa no residencial que leva o mesmo nome da cidade fronteiriça.

A Polícia Nacional do Paraguai também esteve no bairro Residencial Ponta Porã. No local, quatro jovens foram assassinados na madrugada deste sábado (7).

As vítimas foram identificadas inicialmente como sendo Jonas Wesley Moraes de Pompeia, Xilon Henrique da Silva de 19 anos, de Marilia e Gabriel dos Santos Peralta de 16 anos.

Entretanto, o nome identificado como sendo do paraguaio Salomon Solis Lopez, na verdade, trata-se do brasileiro Luan Vinícius Cândia, que usa documento falso.

As quatro vítimas já estariam sendo investigadas por crimes cometidos no Departamento de Amambay, cuja Capital é Pedro Juan Caballero, e estariam ligados a organização criminosa e ao crime organizado.