A Polícia identificou como Daniel Ribeiro Góes, de 22 anos, o segundo assaltante morto em confronto com o DOF (Departamento de Operações de Fronteira), no último sábado (4), em Dourados.

Conforme apurado pelo Jornal Midiamax, Daniel é natural de e tem registro de dois roubos ainda quando era menor de idade, além de um furto, na cidade natal. Outro roubo, já sendo maior de idade, também consta no registro da sua ficha criminal. O assaltante faria 23 anos neste mês.

Rafael Cabral do Nascimento, de 29 anos, é o outro assaltante morto no confronto. Segundo a polícia, ele estava do sistema prisional, onde cumpria regime semiaberto.

O crime

Conforme o News, os bandidos teriam invadido uma casa, onde renderam mãe e filha, no Bairro Izidro Pedroso. Depois, fugiram levando dinheiro, joias, celulares e um Corolla prata.

Os suspeitos ainda tentaram fugir em dois veículos, mas acabaram abandonando o outro carro e seguiram com o Corolla. O DOF foi acionado e os policiais localizaram os suspeitos.

Na abordagem houve troca de e os assaltantes foram atingidos. Eles foram levados até uma unidade de saúde, mas não resistiram aos ferimentos e morreram antes de chegarem até a UPA (Unidade de Pronto Atendimento). O caso foi registrado na Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira.