Mário Marcio, morto a tiros em frente a uma conveniência, no bairro Aero Rancho, em Campo Grande, na madrugada desta segunda-feira (16), pode ter sido vítima de um assalto momentos antes do assassinato. Isso porque a irmã do rapaz publicou nas redes sociais uma nota de falecimento informando o ocorrido.

“Notas de falecimento ontem às 23:30h durante um assalto seguido de meu irmão caçula querido Mario Marcio partiu nos deixando saudades e grande pesar”, escreveu a irmã, lamentando a partida precoce de Mario.

Nas redes sociais, amigos prestaram suas condolências a família da vítima. “Nossa Eli… Que notícia triste, que Deus possa consolar o coração de toda família… Meus sentimentos”, publicou Dayse Lara. 

“Meus pêsames, que Deus conforte seu coração! Sinta-se abraçada nesse momento!”, comentou Rejane Torres.

Mário foi assassinado com dois no tórax e o autor fugiu. De acordo com a polícia, o autor segue foragido até o momento.

Assassinato

Informações obtidas pelo Jornal Midiamax são de que Mário teria ido até a conveniência ainda na noite de domingo (15) e lá encontrado o autor. A vítima, segundo testemunhas, iria cometer o homicídio quando os dois homens entraram em luta e o autor conseguiu tirar a arma da vítima.

Neste momento, o autor fez os disparos acertando Mário, que morreu no local antes da chegada do socorro. O autor fugiu a pé e ainda não foi localizado. Segundo informações, a vítima teria envolvimento com drogas e não se descarta este motivo para o crime.

Homicídio (Nathalia Alcântara, Midiamax)

Saiba Mais