A polícia paraguaia apreendeu nessa segunda-feira (23) mais uma carga milionária de cocaína. A droga estava pronta para embarque para Espanha e foi encontrada em um contêiner que estava em um porto privado de Viletta, no Paraguai.

Até o momento, a quantidade do entorpecente que seria comercializado na Europa ainda não foi totalizada. Estima-se que a carga passe de 3 toneladas e estaria avaliada em mais de US$ 72 milhões, uma vez que o quilo é vendido a US$ 24 mil.

A droga, segundo informações da Polícia Nacional, está misturada com arroz. Uma delegação do Ministério Público, acompanhada por funcionários da CAIA (Coordenação Administrativa de Investigações Aduaneiras), fez abertura do contêiner.

Segundo dados da Unidade Especial de Inteligência Sensível, conforme publicação do ABC Color, cada palete continha 40, totalizando 800. O contêiner teria passado por uma vistoria feita com scanner, mas que não foi detectada.

A última grande carga de cocaína apreendida no Paraguai foi de 3.418 quilos e aconteceu em Fernando de la Mora, em 28 de julho de 2021, escondida entre o açúcar. Antes disso, 2.906 quilos da droga caíram no Porto Terporto de Villeta, entre os dias 19 e 21 de outubro de 2020, escondidos entre carvão.