Polícia faz diligências atrás de homem suspeito de matar a própria irmã estrangulada

| 27/05/2022
- 20:46
Polícia faz diligências atrás de homem suspeito de matar a própria irmã estrangulada
O autor teria cavado uma cova para enterrar a irmã na casa (Foto: Graziella Almeida)

Polícia está em diligências atrás do homem suspeito de matar a própria irmã, Patrícia Benites, de 31 anos, estrangulada, na madrugada desta sexta-feira (27), na casa da vítima no Bairro Tiradentes, em Campo Grande. Ele foi identificado até o momento como "Ninho".

O autor, inclusive, cavou uma cova para enterrar a irmã na . Ele chegou a quebrar o tanque da casa, e, com os entulhos, cobriu o corpo de Patrícia, que estava fora da cova. Após Perícia da Polícia Civil, o corpo da vítima foi levado ao Imol (Instituto Médico Odontológico Legal) para exames. A polícia também irá apurar se Patrícia sofreu abuso sexual. A delegada Bárbara Alves, disse que, caso ele não seja encontrado, a polícia irá divulgar a identificação para localização do autor.

Criança de 6 anos, filho da vítima, presenciou o crime. O caso foi descoberto no início da noite, quando familiares encontraram o corpo. Conforme relatado ao por uma tia da criança, o menino relatou ter visto a cena do tio matando a própria mãe. "Ele veio tremendo, chorando e falou que 'mataram a minha mãe'". Ele ainda detalhou o que presenciou. "O Ninho colocou o joelho em cima dela e começou a enforcar ela", teria contado o menino, que disse ter ficado com medo e saiu correndo.

Veja também

As mercadorias e o veículo foram apreendidos e encaminhados a Receita Federal

Últimas notícias