Polícia

VÍDEO gravou modelo nua em provador de roupas em agência de Campo Grande

Jovem denunciou o proprietário da agência à polícia e ele foi detido

Anna Gomes Publicado em 08/12/2021, às 14h44

Modelo divulga imagens comprovando que havia uma câmera escondida no provador de uma agência de modelos.
Modelo divulga imagens comprovando que havia uma câmera escondida no provador de uma agência de modelos. - Reprodução

A modelo de 29 anos que denunciou uma agência de Campo Grande após descobrir gravação de vídeos em provador de roupas divulgou, na tarde desta quarta-feira (8), as imagens que foram capturadas na agência sem consentimento dela. No vídeo, a jovem aparece nua enquanto troca de roupas. 

O suspeito de ter cometido o crime seria dono e fotógrafo de uma agência de modelos, localizada na Rua Rui Barbosa, no Centro de Campo Grande. Nas imagens, a modelo aparece nua e ao perceber que estava sendo gravada, resolve filmar o equipamento para ter provas contra o suspeito.

O notebook do suspeito ficava dentro de um provador onde várias modelos faziam as trocas das roupas para serem fotografadas. O fato aconteceu na última segunda-feira (6). A Polícia Militar foi acionada e o suspeito encaminhado para a delegacia.

Segundo a modelo, o aparelho estava ligado, tocando música. No entanto, ela percebeu a luz verde da câmera ligada, quando foi olhar o notebook e encontrou o aplicativo da câmera, que estava aberto e gravando a vítima. Ela contou, ainda, que tudo tinha sido gravado, desde a hora que ela chegou. “Deu para ver o dono da agência ajeitando a câmera, pelas gravações”, afirmou.

A modelo chamou a irmã que também estava na agência e elas gravaram as imagens pelo celular, como prova do ocorrido. Em seguida, acionaram a assessora, que chamou a Polícia Militar. “Passamos medo, porque só estávamos nós e o dono da agência”. Os policiais conduziram o homem para a Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher), onde foi registrado boletim de ocorrência.

Assista ao vídeo:

Jornal Midiamax