Polícia

Suspeito de estuprar mãe em condomínio de Campo Grande e deixar vítima desacordada é preso

Vítima tinha hematomas e queimaduras de cigarros

Thatiana Melo Publicado em 17/11/2016, às 10h52

None
deam.jpg

Vítima tinha hematomas e queimaduras de cigarros

Policiais da 5º Companhia da Policia Militar foram acionados nesta quarta-feira (16) depois que vizinhos ouviram gritos de socorro de uma idosa, de 63 anos, que foi encontrada desacordada em seu apartamento, na Avenida Tamandaré, em Campo Grande.

A idosa foi encontrada desacordada com vários hematomas e queimaduras aparentes de cigarros. A vítima mora com o filho, de 32 anos, e que seria o suspeito de ter estuprado a mãe. Ainda de acordo com informações policiais, vizinhos teriam ouvido os gritos da vítima e pela janela visto o filho sobre a mãe.

O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionado e a idosa levada para uma UPA (Unidade de Pronto Atendimento). O suspeito, que foi preso em casa, levado para a Deam (Delegacia de Atendimento Especial à Mulher), onde presta depoimento na manhã desta quinta-feira (17) a delegada Fernanda Félix.

Jornal Midiamax