Um investigador da Polícia Civil de 33 anos, frustrou um assalto na tarde desta sexta-feira (29), na avenida Mascarenhas de Moraes, em Campo Grande. De acordo com nota divulgada pela Polícia Civil, o investigador está de licença médica e realizava compras em um estabelecimento comercial quando viu um adolescente de 16 anos, que estava na garupa de uma motocicleta, abordar um jovem de 24 anos que estava em um ponto de ônibus.

Segundo a polícia, o adolescente colocou a mão na cintura, demonstrando que estava armado e anunciou o assalto ameaçando a vítima de morte. O garoto obrigou o jovem a entregar seus pertences. O investigador abordou os acusados e se identificou como policial civil, ordenando ao adolescente e seu comparsa que descessem da motocicleta. A dupla tentou fugir e foi perseguida pelo investigador. Ainda conforme a polícia, o adolescente simulou tirar uma arma da cintura, momento em que foi atingido no pé, por um disparo do policial.

O condutor da motocicleta usada no assalto fugiu e abandonou o adolescente. O garoto foi socorrido e apreendido pelo policial. Ele foi encaminhado ao posto de saúde do bairro Coronel Antonino. Após ser atendido, o adolescente infrator foi encaminhado para Delegacia Especializada de Atendimento a Infância e a Juventude para a (Deaij), onde foi autuado em flagrante por roubo majorado pelo concurso de pessoas.

O comparsa está sendo procurado pela Polícia Civil. Já o adolescente infrator deve ser encaminhado para Unidade Educacional de Internação (Unei).