Mundo

Presidente do México destina parte do salário para ações contra o coronavírus

O presidente do México, Andrés Manuel López Obrador anunciou nesta sexta-feira (17) que está doando um quarto do salário para ajudar o país no enfrentamento ao novo coronavírus. A intenção do parlamentar é incentivar outros funcionários públicos a doarem parte dos seus salários para ajudar a economia. Andrés ganha atualmente 108 mil pesos, algo em […]

Vinícius Costa Publicado em 17/07/2020, às 16h15

Foto: Pedro Pardo / STF
Foto: Pedro Pardo / STF - Foto: Pedro Pardo / STF

O presidente do México, Andrés Manuel López Obrador anunciou nesta sexta-feira (17) que está doando um quarto do salário para ajudar o país no enfrentamento ao novo coronavírus. A intenção do parlamentar é incentivar outros funcionários públicos a doarem parte dos seus salários para ajudar a economia.

Andrés ganha atualmente 108 mil pesos, algo em R$ 25 mil e a contribuição será de 27 mil pesos, cerca de R$ 6,5 mil que será destinados aos serviços de saúde do país. Porém, o presidente não afirmou será uma dedução única ou recorrente.

López Obrador é conhecido por realizar gestos simbólicos com o objetivo de mostrar uma imagem pessoalmente frugal e incorruptível. Em um dos gestos desde que assumiu a governança do país, o presidente reduziu seu salário em 40%, vendeu aviões e helicópteros do governo.

“Não pode haver um governo rico com uma população pobre”, afirmou López Obrador em sua entrevista coletiva regular, pedindo aos outros que sigam sua liderança.

Jornal Midiamax