Quinta eliminada de “A Fazenda 15” na noite desta quinta-feira (2), Jenny Miranda participou da Cabine de Descompressão e foi colocada contra a parede sobre várias situações que viveu no reality. Ela, inclusive, confessou que não sente nenhum arrependimento em relação às atitudes que teve com Rachel Sheherazade, e fez questão de deixar claro que é a vítima da situação.

Em depoimento no quadro, a mãe de Bia Miranda comentou sobre os embates que levaram a jornalista a ser expulsa de “A Fazenda 15” após dar um tapa em sua boca. “Eu não tenho peso na consciência, não faria nada de diferente”, disparou ela, confessando não ter nenhum arrependimento.

Jenny ainda ressaltou: “Quem causou a expulsão foi ela, que não aceitou a delegação, que não quis fazer o que eu pedi. Ela não aceitou, ela foi inflamada por outro participante [o Lucas Souza]. Ela pediu para eu descer [para área dos animais]. A agredida fui eu, a vítima fui eu, eu não tenho que tomar a posição de agressora, sendo que não fui”.

Depois, o apresentador da Cabine de Descompressão, Lucas Selfie, contou à Jenny que Gretchen, sua ex-mãe postiça, apoiou Rachel e não ela. “Essa pessoa aí eu não espero nada além disso. Os sete anos que eu vivi com ela foram de mentira. Só foi mãe de mídia. É um nome que eu tenho no meu RG, mas eu não me orgulho de ter”, disse Jenny.

Veja as declarações da eliminada: