Evento será no fim de semana em Dourados

Mesmo hoje, o rock ainda é um espaço dominado por homens, onde as mulheres já tiveram muito destaque mas sempre em menor escala. Por isso, o festival musical Grito Rock Dourados, que acontece na cidade de 6 a 8 de maio, irá promover um circuito cultural especialmente voltado para as mulheres. O evento Grito D’ellas quer dar visibilidade à questões de gênero e promover debates para além da música. 

Segundo a jornalista Luana Ayala, que está colaborando na organização e irá de Campo Grande para Dourados para participar do projeto, é uma forma de “ocupar” um espaço visível dentro do festival. “As ‘minas’ nunca ocuparam esse espaço no Grito Rock, um festival que acontece no Brasil todo. No Grito D’ellas vamos ter até uma creche, o ‘gritinho’, para as mães que quiserem participar dos debates e das ações”, explica a jornalista. 

A programação do Grito D’ellas inclui um cortejo com sarau cultural na Casa dos Ventos, espaço plural que existe em Dourados, oficina de zines e varal de poesias, e uma sessão de cinema com participação do Coletivo Nós, Madalenas, de São Paulo, que exibirá o filme “Mucamas”, tudo isso no dias 6 e 7 de maio. No domingo, dia 8, outras oficinas acontecem na Casa dos Ventos, e vão discutir exploração sexual e muitos outros temas ligados às mulheres. “Entre uma banda e outra de rock vamos debater o espaço da mulher na sociedade e inclusive em festivais como esse”, analisa Luana. O Grito Rock Dourados acontece na Praça do Cinquentenário com bandas de rock durante os dias 6, 7 e 8 de maio. 

Festival com três dias de rock contará com participação organizada das mulheres / Foto: Divulgação