O youtuber Guti, que se identifica como um “100% japonês apaixonado pelo Brasil”, veio até Campo Grande visitar a feirona e provar o sobá, comida que diz ser viciado e que saboreava frequentemente em Okinawa. Agora, percorrendo diversos estados ao lado da esposa , que é brasileira, grava vídeos divertidos com percepções sobre a gastronomia e as cidades, sem esquecer de reclamar do calorão.

O casal ficou alguns dias na capital sul-mato-grossense e foi até a feirona no dia 11 de outubro, feriado estadual da criação do Estado. Ao chegar, ele fala que recebeu diversas recomendações sobre o local e que a comida típica de Campo Grande é a mesma comida típica de Okinawa. “Aqui tem mais de 200 estabelecimentos que servem sobá”, comentou Guti, impressionado.

Depois, Guti relembra que, quem o acompanha desde o início, sabe o quanto ele aprecia esta iguaria. Mas, antes de saborear, passaram por diversos corredores da feira, mostraram miniaturas da fauna pantaneira, como a garça, tuiuiú, sendo estas espécies que o youtuber não conhecia. Guti também falou que Mato Grosso do Sul está cheio de animais e que ele quase atropelou uma iguana no caminho. “É perigoso”, comentou.

Guti na entrada da Feira Central. (Reprodução, Redes Sociais)

Ainda no passeio, o casal foi reconhecido por uma fã, que os presentou com uma capivara de saia e uma arara-azul. “Espero que sempre se lembrem de Campo Grande”, disse. Em seguida, Guti e a esposa olharam roupas, mostraram as barraquinhas e foram reconhecidos por mais um amigo, um chef de cozinha que conheceram em Okinawa.

Na sequência, escolhem a barraca e pedem o sobá com suína. “Você não pode ficar na dúvida, porco ou carne de boi. Tem que escolher porco, o mais comum”, opinou Guti. O prato típico então chega e mostra ele e Eliana, comendo do jeito certo com o hashi, os famosos palitinhos. O casal então elogia o gengibre, dizendo que “fica bem melhor”.

Guti finaliza dizendo que está “comendo suando” e que vai tomar um banho gelado depois. “Gosto de comer macarrão no calor”. Eliana pergunta se o companheiro está bem e ele diz que sim. “Só está calor demais…mas, agora tem um vento”, finaliza.

Veja o vídeo na íntegra:

Como o casal se conheceu?

Guti e Eliana se conheceram no ano de 2015. Na ocasião, ele conta que estava passando por um momento difícil e, quando se recuperou, foi até um barzinho com uns amigos em Osaka. Eliana, por sua vez, também foi ao local acompanhada de amigas.

Michel Teló mandou recado ao casal. (Reprodução, Redes Sociais)

Todo mundo curtia o sábado, com músicas internacionais e brasileiras, entre elas “Ai se eu te pego”, de Michel Teló. Eliana então ficou impressionada pelo fato de Guti curtir as músicas e iniciou uma conversa com ele. Após este papo inicial, trocaram telefone e, dois dias depois, Guti iniciou uma conversa pelas redes sociais.

Aos poucos, de forma natural, o japonês foi se interessando pela cultura brasileira e se apaixonou.

Eliana então o ensinou a falar o idioma e atualmente eles percorrem o Brasil mostrando a nossa cultura. O casal possui cerca de 320 mil seguidores no YouTube e outros milhares em redes sociais como o e Instagram. Recentemente, ao relembrarem o primeiro encontro, tiveram uma surpresa feita pelo próprio cantor sertanejo, que agradeceu o carinho.

Saiba Mais