Nova novela da Globo sobre indígenas terena em MS poderá ter Larissa Manoela no elenco

Lenda do povo terena deverá ser premissa para nova novela da Globo em MS
| 22/07/2022
- 10:07
nova novela da globo em ms
Larissa Manoela em "Além da Ilusão" - (Foto: TV Globo) / "Lenda das 700 Luas" - esferográfica sobre papel - Artista: Birgitte Tümmler

Sucesso como as protagonistas Elisa e Isadora em "Além da Ilusão", Larissa Manoela estaria agradando os executivos da e já é até cotada para a próxima novela da emissora que terá Mato Grosso do Sul como cenário.

Com o título provisório de "Terra Vermelha", o folhetim ainda não tem de estreia, mas, conforme divulgado pela colunista Patrícia Kogut, o renomado autor Walcyr Carrasco, responsável por clássicos como "O Cravo e a Rosa", "Chocolate com Pimenta" e "Alma Gêmea", sonda MS em busca de locações para sua próxima obra.

Com a direção de Luiz Henrique Rios, atual diretor da novela das seis "Além da Ilusão", o elenco ainda não possui nenhum nome confirmado, mas Carrasco já teria sinalizado que gostaria de trabalhar com Flávia Alessandra, figura presente em outras obras de suas obras.

Larissa Manoela também é um nome muito cotado, pois está sendo bem avaliada em "Além da Ilusão" e o canal deseja aproveitá-la em horário nobre. O fato do diretor da atual trama das 18h apreciar o trabalho da atriz pode contar muito para a escalação. As informações são do colunista André Santana, do TV História.

No entanto, não se sabe ainda se ela será a protagonista da história que narrará uma lenda do povo indígena terena, ou alguma coadjuvante.

Nova novela da Globo em MS

Segundo a colunista Carla Bittencourt, Walcyr Carrasco está de olho na cultura e nas paisagens de Mato Grosso do Sul para a trama que ele pretende escrever para o horário das 21 horas. Conforme Carla, a região de Bonito e as crenças do povo indígena Terena estão na mira do autor. Em especial, a lenda das 700 luas seria o maior interesse de Walcyr para sua nova história.

Interessado

Vale lembrar que Walcyr Carrasco já explorou a temática indígena em sua novela de maior sucesso, "Alma Gêmea" (2005), atualmente em reprise pelo Canal VIVA. A protagonista Serena era de uma etnia fictícia e sua aldeia tinha como cenário as regiões de Bonito.

A Gruta do Lago Azul foi amplamente explorada na trama; a índia Serena via nas águas cristalinas a rosa branca que guiaria seu destino. A cena final da novela, inclusive, foi ambientada na Gruta, quando todas as encarnações dos protagonistas foram exibidas nesse cenário.

Agora, 17 anos depois, Walcyr Carrasco desperta novamente seu interesse tanto por MS, quanto pelos indígenas. Desta vez, focando no povo Terena e na lenda mencionada acima.

Fale com o WhatsApp do MidiaMAIS!

Tem algo legal para compartilhar com a gente ou quer comentar a história acima? Fale direto com os jornalistas do MidiaMAIS através do WhatsApp.

Mergulhe no universo do entretenimento e da cultura participando do nosso grupo no Facebook: um lugar aberto ao bate-papo, troca de informação, sugestões, enquetes e muito mais. Você também pode acompanhar nossas atualizações no Instagram e no Tiktok

Veja também

Clipe tem data de estreia marcada para quinta-feira (4).

Últimas notícias