Estado quer reverter desemprego e aumentar PIB

O Governo do Estado espera investimentos de R$ 20 bilhões de várias multinacionais em Mato Grosso do Sul a partir deste ano. A informação foi repassada pelo secretário estadual de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente, Jaime Verruck, durante agenda na Fiems na manhã desta segunda-feira (11).

Segundo o secretário, o investimento parte da instalação de novas unidades da e da Eldorado, bem como da instalação de novas indústrias, como uma fábrica de latas em Paranaíba e de cimento em Bela Vista, ambas com licenciamentos e incentivos fiscais já aprovados.

O governo espera que os investimentos ajudem no crescimento do Produto Interno Bruto Industrial e, consequentemente, na geração de novos empregos. A expectativa é grande porque, pelo menos inicialmente, a construção civil, grande prejudicada com desemprego, será a maior beneficiada.

O anúncio ocorreu logo após o presidente da Fiems, Sérgio Longen, declarar que é verdadeira a informação de que o Estado já acumula 80 mil desempregados, sendo 70% da construção civil.  Longen não quis antecipar números deste ano, mas dados do ano justificam a preocupação. A expectativa era de que em 2014 a indústria gerasse 150 mil empregos, mas ficou com 133.615.