afetado pelo ataque hacker ao sistema do Ministério da Saúde, o ConectaSUS.

Na manhã desta sexta-feira, após o ataque ao ConectaSUS, o município de Campo Grande decidiu tirar os sites do ar, de forma preventiva, para preservar os dados. 

Em nota, a (Agência Municipal de Tecnologia da Informação e Inovação) informou que o sistema da prefeitura fora do ar não comprometeu os registros municipais. “Não houve nenhum impacto nos dados do município, trata-se apenas de uma medida preventiva aderente à Lei Geral de Proteção de Dados com o objetivo de aumentar ainda mais a proteção dos dados e os níveis de segurança dos serviços digitais oferecidos pelo Município”, consta em nota oficial.

Por enquanto, a Prefeitura de Campo Grande ainda avalia o impacto e até fez uma manutenção preventiva, mas a informação é de que o calendário de vacinação do dia está mantido.