Cotidiano

Detran-MS suspende mais de mil CNHs e dá prazo de 30 dias para entrega

Outros 61 condutores têm prazo de 48 horas

Joaquim Padilha Publicado em 26/01/2017, às 10h59

None
cnhs.jpg

Outros 61 condutores têm prazo de 48 horas

Condutores alvos de processos administrativos do Detran-MS (Departamento de Trânsito de Mato Grosso do Sul) por infrações de trânsito foram notificados nesta quinta-feira (26) da aplicação de penalidade de suspensão da Carteira. Mais de mil motoristas receberam as notificações em todo o Estado.

As CNHs (Carteira Nacional de Habilitação) deverão ser entregues ao Detran-MS em um prazo de 30 dias. Esse mesmo prazo é oferecido pelo Departamento para que os autuados apresentem defesa das penalidades.

Ainda foram emitidas outras 61 notificações a condutores que já tiveram o prazo de defesa espirado, e devem entregar a CNH ao Departamento em um período de 48 horas.

O prazo das suspensões da carteira variam, de um mês a dezesseis meses, dependendo da infração. Após a suspensão, o condutor deve realizar obrigatoriamente curso de reciclagem para voltar a dirigir.

O Detran-MS ainda alerta que autuados que entregaram a CNH ao Departamento e forem pegos dirigindo podem ter a habilitação cancelada, de acordo com o art. 263 do Código de Trânsito Brasileiro.

A lista com os nomes dos mais de 1 mil notificados para entrega da CNH em 30 dias e dos 61 que devem entregar em dois dias foi publicada no Diário Oficial do Estado desta quinta-feira (26), entre as páginas 11 e 43.

(sob supervisão de Ludyney Moura)

Jornal Midiamax