Cotidiano

Se liga: os presentes que namorados em Campo Grande não aguentam mais

Roupas e perfumes lideram a lista negra 

Thatiana Melo Publicado em 10/06/2015, às 16h02

None
_mg_1721_copy.jpg

Roupas e perfumes lideram a lista negra 

Perfume, roupa se você estava pensando em presentear sua cara metade com algum destes itens, é melhor rever o conceito. Estes produtos lideram a lista dos presentes mais manjados que ninguém aguenta mais ganhar.

Júlio Soares, de 19 anos, afirma que não quer mais roupa. “Queria algo diferente, não aguento mais ganhar roupa”. Outra que engrossa o coro de não as roupas é Débora Evelin, de 19 anos. “Este ano queria uma aliança, na realidade o pedido seria bem melhor”, avisa a auxiliar de cozinha ao namorado que finge não entender a indireta.

É mas não são só roupas os presentes mais temidos por quem vai receber algo no dia dos namorados, os perfumes estão na lista negra dos apaixonados. “Não aguento mais ganhar kit de perfume. Faz tempo que estou ‘namorando’ um sapato e queria ganhá-lo de presente”, fala Eslley Angelo, de 25 anos.

Jeniffer Manzano, de 19 anos, também não quer mais perfume. “Este ano gostaria de ganhar um sapato”, diz. O objeto também é desejo da auxiliar de produção, Carla Daniela, de 25 anos. “Não aguento mais sapato baixo, sapatilha, queria um sapato de salto alto”, afirma.

A gerente de uma loja de roupas, Kátia Arruda, ressalta que o item mais procurado por homens e mulheres são camisetas e blusas. “As mulheres procuram mais camisetas e jeans, já os homens vem atrás de blusas, saias”, fala Kátia que ainda explica que o movimento está tímido.

“Esperamos um movimento maior um dia antes. As pessoas ainda estão fazendo pesquisa, na dúvida do que comprar”, ressalta a gerente.

E para quem acha que gestos simples estão fora de moda ou que não tem muito valor engana-se. Um simples buquê de flores é o objeto de desejo de Vanessa Bonfim, de 18 anos. “Nunca ganhei flores e acho mais romântico. Já avisei que quero flores e não me importa se no outro dia vão estar murchas”, fala Vanessa que ainda ressalta que este gesto teria muito mais valor do que qualquer outro presente.

 Faltando ainda dois dias para a data mais romântica do ano, os namorados tem tempo para usar da criatividade para agradar a cara metade, e não cair na mesmice de presentes manjados e abominados pelos enamorados.

Jornal Midiamax