Projeto para abrigar taxistas no aeroporto deve ser implantado após acordo

Mudanças pretendem beneficiar os 38 taxistas do terminal
| 03/07/2015
- 23:47
Projeto para abrigar taxistas no aeroporto deve ser implantado após acordo

Mudanças pretendem beneficiar os 38 taxistas do terminal

O setor de engenharia da Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária) analisou projeto de ampliação da entrada no Aeroporto Internacional de Campo Grande e agora aguarda a Prefeitura Municipal para realizarem um Acordo de Cooperação Técnica. Somente depois deste procedimento as obras devem começar.

No início deste ano a Seintrha (Secretaria Municipal de Transporte e Habitação) antecipou que havia pretensão de ampliar o número de pistas na entrada do terminal e cobrir a área para beneficiar os 38 taxistas que atuam no local. 

“Recebemos a minuta do Acordo de Cooperação e o encaminhamos para a Procuradoria-Geral do Município. Acreditamos que a obra tenha contrapartida da Infraero e da Prefeitura. Também vamos levar o projeto para os taxistas olharem novamente”, explicou Paulo Bento, diretor de planejamento e projeto da secretária. Ainda não se sabe o quanto a obra custará.

Mudanças

Bento explicou que duas pistas devem ser destinadas aos taxistas, no entanto, uma delas seria somente para embarque e desembarque dos passageiros. Na outra ficaram os carros enfileirados, aguardando pelos clientes.

Ainda deve ser inserida no local uma travessia elevada para facilitar a passagem de pedestres. As mudanças não devem interferir na área do estacionamento coberto.

Assim que o projeto sair do papel as mudanças devem beneficiar os motoristas no que diz respeito à organização. A queixa de muitos deles é que, em determinado horário, vários aviões chegam quase juntos. E neste momento, muitos carros particulares e vans se misturam junto aos taxistas e causam transtorno em meio aos passageiros.

Veja também

Movimento na internet ganhou força após estudante de direito se jogar de prédio na Faria Lima, em SP

Últimas notícias