Sérgio Cabral e Adriana Ancelmo são aprovados em vestibular de teologia

Ex-secretário estadual também está na lista
| 08/12/2017
- 23:16
Sérgio Cabral e Adriana Ancelmo são aprovados em vestibular de teologia

Ex-secretário estadual também está na lista

O ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, e a mulher dele, , foram aprovados no vestibular do curso de teologia, oferecido pelas Fabapar (Faculdades Batista do Paraná). Os dois foram presos durante os desdobramentos da , que atingiram a administração fluminense. O resultado foi divulgado nesta sexta-feira (8).

Além deles, o ex-secretário estadual Wilson Carlos Cordeiro Carvalho também integra a lista de aprovados no mesmo curso. Eles devem cursar a faculdade na modalidade a distância, ou seja, com aulas virtuais. Os três ainda seguem presos.

Faculdade de história

Estudioso, o ex-governador do Rio de Janeiro pediu à Justiça para participar do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) para presos. O político quer cursar história. O pedido dele foi autorizado pelo juiz Marcelo Bretas, na quinta-feira (7).

A prova do Enem para presos vai ocorrer no dia 12 de dezembro. De acordo com o advogado de defesa, Rodrigo Roca, a cada três dias de estudo há um dia a menos de cumprimento de pena.Sérgio Cabral e Adriana Ancelmo são aprovados em vestibular de teologia

Condenações

O ex-governador do Rio de Janeiro já tem três condenações na Justiça, referentes aos processos derivados da Operação Lava Jato e da Operação Calicute, que foi deflagrada pela Justiça Federal do Rio de Janeiro. Somadas, as penas chegam a 72 anos e quatro meses.

Adriana Ancelmo também já foi condenada pela Justiça, em um dos processos em que era ré, junto com o marido. A ex-primeira-dama recebeu pena de 18 anos e três meses, em regime fechado.

Já o ex-secretário Wilson Carlos tem penas que somam 44 anos e oito meses de prisão, também em regime fechado.

 

Veja também

As apostas podem ser feitas até as 19h, horário de Brasília

Últimas notícias