Le Blog Maria Antonia

Anthony Hopkins, vencedor do Oscar 2021 venceu o alcoolismo

Anthony Hopkins, vencedor do Oscar 2021 revela que "está sóbrio há 45 anos"

Le Blog Maria Antonia Publicado em 27/04/2021, às 19h20

None

“Eu sinto que estou perdendo minhas folhas. Meu galhos, o vento, e a chuva. Eu não sei mais o que está acontecendo”. Com essa frase tão tocante, Anthony Hopkins definiu seu personagem no sublime “Meu Pai”. E para quem assistiu sua performance, ele ter levado a estatueta do Oscar não foi nenhuma surpresa. Mas Hopkins modesto, no video gravado em sua casa no País de Gales agradeceu, humildemente, ter sido o “azarão” da noite, pois era dado como certo o prêmio póstumo a Chadwick Boseman. E, quando Sir Anthony Hopkins entra no páreo não tem pra mais ninguém. Mas voltando à Anthony Hopkins, quem não conhece a sua história se surpreende quando descobre que ele foi muito mais próximo de Hanibbal Lecter (que o consagrou em “Silêncio dos Inocentes”) do que do personagem fofo de “Meu Pai” Foi o pesadelo dos diretores quando tinha seus famosos acessos de fúria, saindo dos sets de filmagens sem dar a menor explicação.

Dependente de alcool na época, está sóbrio há 45 anos, confessou à New Yorker Magazine que “temia não servir para nada e não se encaixava em nenhum lugar”. Saía sem rumo dirigindo por semanas, e nos anos 80 era considerado “uma diva intratável“. Mas os anos acalmaram a sua ira e ele resolveu fazer as pazes com a idade: aos 75 anos, declarou que jamais tinha sido tão feliz. Voltou aos palcos e também fez as pazes com Shakespeare, que odiava mortalmente.

“Penso no menino medroso que fui, que estava destinado a ser um idiota na escola e quando crescesse”, ele confessou. “Não se preocupe, garoto, a gente se virou bem”, concluiu.

Reprodução Cool50s .Fonte New Yorker Magazine.

Jornal Midiamax