Aditivo faz contrato para 33 quilômetros de asfalto na MS-165 ir a R$ 69,3 milhões

São R$ 2.687.721,71 a mais para a empresa Vale do Rio Novo Engenharia
| 07/07/2022
- 12:25
Aditivo faz contrato para 33 quilômetros de asfalto na MS-165 ir a R$ 69,3 milhões
MS-165 (Divulgação Governo de MS)

O segundo termo aditivo ao contrato n. 0044/2021/AGESUL para obras de 33 quilômetros de asfalto na MS-165 foi publicado nesta quinta-feira (7) no Diário Oficial do Estado, aumentando o valor da contratação para R$ 69.349.062,48.

De acordo com a publicação, são R$ 2.687.721,71 a mais para a empresa Vale do Rio Novo Engenharia e Construções Ltda, para o reequilíbrio econômico-financeiro decorrente do acréscimo dos custos de aquisição de materiais e equipamentos, referente à obra de implantação e pavimentação asfáltica.

O trecho em questão fica entre Coronel Sapucaia e Paranhos. Assinam pela contratação Rento Marcílio da Silva e Ademir Carlos Belinatto.

De acordo com o Governo do Estado, outra obra na região tinha investimento de mais de R$ 52 milhões, entre as cidades de Aral Moreira e Coronel Sapucaia, na MS-165, na fronteira do com o Paraguai.

Conforme a Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos), a previsão era concluir os trabalhos em abril de 2022. Essa obra faz parte do Projeto Integração Sul-Fronteira que vai pavimentar, e em alguns locais também implantar, a rodovia Sul- Fronteira, que ligará (Sanga Puitã) a Mundo Novo (Entroncamento BR-163).

Confira abaixo os trechos da MS-165 que fazem parte do Projeto de Integração:

  • Sanga Puitã/Aral Moreira - extensão de 38,8 km (já concluído)
  • Aral Moreira/Coronel Sapucaia - extensão de 37,82 km de extensão
  • Coronel Sapucaia/Aldeia Sete Cerros- extensão 33 km de extensão
  • Aldeia Sete Cerros/Paranhos - extensão de 51,10 km;
  • Paranhos/ Sete Quedas - extensão de 59,90 km;
  • Sete Quedas/ Entroncamento BR-163- extensão de 102 km.

Veja também

PGE citou que Mato Grosso do Sul ficou muito abaixo da meta no ano passado

Últimas notícias