Política / Transparência

Governo Federal limita investimentos e Dourados perde recurso que beneficiaria reformas

Quase R$ 300 mil foram cortados do município

Egina Becker Publicado em 08/06/2018, às 15h44 - Atualizado em 09/06/2018, às 12h55

Câmara Municipal de Dourados (Foto: Divulgação)
Câmara Municipal de Dourados (Foto: Divulgação) - Câmara Municipal de Dourados (Foto: Divulgação)

A presidente da Câmara de Dourados, vereadora Daniela Hall (PSD), durante sessão ordinária nesta segunda-feira (04), utilizou a tribuna para prestar esclarecimentos à população douradense sobre a perda dos recursos que o município receberia para reforma do posto de saúde no Jardim Ouro Verde.

O recurso que beneficiaria Dourados, que chegava a quase R$ 300 mil, foi cortado porque a emenda parlamentar de autoria do deputado federal Geraldo Resende (PSDB) precisou ser retirada da pauta do Governo. Conforme justificou à presidente da Casa Legislativa, os obstáculos advém do próprio Governo Federal, que limitou os recursos das emendas dos deputados federais alegando necessidade de cortes de investimentos após a reforma previdenciária.

Governo Federal limita investimentos e Dourados perde recurso que beneficiaria reformas
Daniela Hall (Foto: Thiago Moraes)

Para Daniela Hall, a justificativa do governo é lamentável, pois afeta uma necessidade da população.  “É lamentável ter ciência dessa informação. O Governo Federal alega que está passando por um momento difícil, por isso, a necessidade de reduzir os investimentos. Mas uma cidade onde os postos de saúde estão completamente deteriorados, não podemos admitir que a gestão municipal perca recursos que beneficiam a população da Grande Dourados”, afirmou.

Porém, para a vereadora, o projeto precisa ser realizado e ela acredita que o deputado Geraldo “não medirá esforços para recuperar esse recurso”. A Câmara, por meio da presidente da Casa, afirma que continua fiscalizando e cobrando agilidade do Poder Executivo.

Jornal Midiamax