Ex-prefeito é investigado por superfaturamento em obra de escola

Prefeitura de Itaporã teria pago por serviços que não foram executados
| 07/02/2018
- 16:48
Ex-prefeito é investigado por superfaturamento em obra de escola

 teria pago por serviços que não foram executados

O ex-prefeito de Itaporã, Wallas Gonçalves Milfont (PDT), está sendo investigado pelo MPE-MS (Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul) por suspeitas de em uma obra do município.

Nesta quarta-feira (7), o MPE-MS instaurou um inquérito para apurar o caso, que envolve a contratação de uma empresa de engenharia para recuperação da cobertura da Escola Municipal Maria Timira dos Santos Borba.

As investigações tiveram denúncias após o MPE-MS receber um laudo que constatou “disparidade do serviço executado com o valor pago”, num valor próximo a R$ 2,8 mil. Segundo o laudo, as instalações do local “não permitem o funcionamento de uma unidade escolar”.

O laudo aponta também que houveram pagamentos por serviços não executados, como aplicações de tinta e de esmalte em madeira e meta, assim como assentamento de portas e dobradiças.Ex-prefeito é investigado por superfaturamento em obra de escola

Em relato ao Jornal Midiamax, o ex-prefeito Milfont afirma que não foi notificado sobre a instauração do inquérito, e que não pode comentar as investigações por não possuir “conhecimento técnico” sobre as supostas irregularidades.

As investigações correm na 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Itaporã, sob tutela do promotor de Justiça Radamés de Almeida Domingos.

Veja também

Servidores de carreira foram designados para cargos de chefia no órgão em MS

Últimas notícias