Concessão de rodovias de MS não atrai nenhuma das dez empreiteiras em licitação

A concessão de 464,2 quilômetros de rodovias de Mato Grosso do Sul não atraiu nenhuma das dez empreiteiras que retiraram o edital para concorrer pela exploração das estradas por 30 anos. A sala de licitação da Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos) permaneceu vazia nesta terça-feira (5), dia em que estava marcada a disputa. As empreiteiras […]
| 05/08/2014
- 23:29
Concessão de rodovias de MS não atrai nenhuma das dez empreiteiras em licitação

A concessão de 464,2 quilômetros de rodovias de Mato Grosso do Sul não atraiu nenhuma das dez empreiteiras que retiraram o edital para concorrer pela exploração das estradas por 30 anos. A sala de licitação da Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos) permaneceu vazia nesta terça-feira (5), dia em que estava marcada a disputa.

As empreiteiras Cia de Participações e Concessões S/A, Compasa do Brasil Ltda., Construtora Queiroz Galvão S.A., Construtora Sanches Tripolini Ltda., Engepar Engenharia e Participações Ltda., Equipe Engenharia Ltda., Lepavi Construções Ltda., Monarca Agro Mercantil Ltda., Prática Engenharia Ltda. e Queiroz Galvão Desenvolvimento de Negócios S.A. compraram o edital de licitação, mas não compareceram.

O coordenador da Central de Licitações da Agesul, Luiz Cândido Escobar, informou que a concorrência das cinco rodovias deve passar por nova avaliação do governo do Estado para ver se mudanças serão feitas no edital, a fim de que alguma empresa apresente interesse na concessão das rodovias da região nordeste de Mato Grosso do Sul.

As empresas Prática, Engepar e Equipe Engenharia disseram que não havia ninguém nos escritórios para comentar o desinteresse pela concorrência.

Veja também

O resultado da licitação do ginásio foi publicado nesta terça-feira (16)

Últimas notícias