Uma equipe técnica da Comissão Permanente de Transporte e Trânsito da Câmara Municipal de Campo Grande vai investigar os 71 novos ônibus do Consórcio Guaicurus. Vereadores encaminharam um ofício para a Agereg (Agência de Regulação dos Serviços Públicos Delegados), que respondeu a Casa de Leis nesta semana.

Segundo o presidente da Comissão, o vereador Coronel Alírio Villasanti, do União Brasil, a Câmara recebeu várias denúncias sobre os novos ônibus, entregues no final do mês de junho. O vereador explica que entre as reclamações, estava o tamanho dos veículos, que supostamente seriam menores.

“Nós pedimos uma solicitação referente a toda nova frota que foi recém adquirida. Algumas pessoas comentaram que os novos ônibus teriam um tamanho menor. Visualmente realmente parece ser menor, mas não posso afirmar, pois ainda não tenho os dados técnicos. Encaminhamos um ofício para a Agereg que acionou o Consórcio”.

A Agereg respondeu o ofício e encaminhou em mídia digital tipo CD, com todas as notas fiscais dos 71 novos ônibus adquiridos, assim como os dados requeridos sobre a frota de ônibus do Consórcio Guaicurus.

Agora, a Comissão de Transporte da Câmara disse que as informações recebidas serão analisadas por uma equipe técnica.

Consórcio Guaicurus terá cobrança de melhorias no serviço

Ainda de acordo com a Comissão Permanente de Transporte e Trânsito o colegiado promete seguir cobrando melhorias dos serviços prestados pelo Consórcio Guaicurus, neste segundo semestre de 2023.

Coronel Alírio Villasanti, explica que vai seguir realizando cobranças, reuniões e audiências públicas para cobrar melhores serviços do Consórcio.

Além de melhorias nos coletivos, a Comissão também diz que no segundo semestre do ano vai continuar pedindo reformas dos terminais e dos pontos de ônibus de Campo Grande.

“Nós vamos continuar a nossa luta, não só pedindo para renovar toda frota, mas também os nove terminais da Capital. Também é necessário colocar abrigo nos pontos de ônibus. No segundo semestre vamos analisar o que já foi realizado e o que precisa ser feito”, disse o presidente da comissão.

‘Recesso’ no transporte coletivo de Campo Grande

Os ônibus de Campo Grande passaram a operar com programação de férias escolares a partir do último dia 17. As férias escolares da Reme (Rede Municipal de Ensino de Campo Grande) e REE (Rede Estadual de Ensino) de Mato Grosso do Sul ocorrem de 17 a 31 de julho.

Informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) e também do Consórcio Guaicurus.

“Estamos operando com programação especial de férias e vai até o dia 28 [de julho]. A programação de horários é atualizada no site do consórcio”, informa a agência municipal.

O Consórcio Guaicurus também confirmou a alteração na programação das linhas de transporte público que rodam pela Capital, no entanto, alegou que mudança segue vigente até 31 de julho, com o fim das férias escolares.

A reportagem questionou a empresa se há uma lista das linhas que sofreram alterações, no entanto, orienta que os usuários do transporte coletivo devem acompanhar as novas rotas e horários no próprio site do Consórcio Guaicurus. Acesse o itinerário aqui. “Afeta todas as linhas, praticamente”, conclui.