A senadora Simone Tebet (MBD-MS) avaliou que o conflito entre Rússia e Ucrânia, que ganha novo capítulo com ataques ocorridos nesta quinta-feira (24), já apresenta reação negativa em todos os países. Para ela, o governo do Brasil precisa prestar assistência ‘imediata’ aos brasileiros que por lá estiverem, garantir a segurança deles e tirá-los das zonas de conflito.

Segundo aponta a parlamentar, a situação impacta nas bolsas de valores e alta do preço do petróleo, dois fatores que podem gerar recessão, mais inflação e fome no Brasil. Simone ressaltou, ainda, que o que mundo mais precisa agora é de paz nesse momento de pandemia.

“O governo federal precisa deixar claro que nosso respeito é à soberania e aos princípios de não intervenção territorial, e que estaremos lutando por uma solução de paz, por meio do diálogo e da diplomacia. Que Deus tenha misericórdia. As consequências da guerra invisível da fome e da miséria podem ser mais sangrentas”.

Deputados federais de Mato Grosso do Sul e o senador Nelsinho Trad (PSD) se posicionaram mais cedo sobre o conflito. Rússia ataca a Ucrânia pela terra, mar e ar. Este é o maior ataque de um país da Europa contra outro do mesmo continente desde a Segunda Guerra Mundial.