'Pouco entusiasmado’ com novo partido, Ovando diz que não vai se filiar ao União Brasil

Deputado federal é candidato à reeleição este ano e procura novo partido
| 10/01/2022
- 13:57
Deputado sai do PSL após fusão com DEM e criação do União Brasil.
Deputado federal Luiz Ovando (PSL) deve se filiar a novo partido em 2022 - Arquivo, Jornal Midiamax

O deputado federal (PSL) pode não se filiar ao União Brasil para disputar a reeleição em 2022 e justificou ser “pequeno” seu entusiasmo com o novo partido.

De acordo com o político, a nova legenda criada por meio da fusão entre DEM e PSL, mas que ainda não foi homologada pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral), não está organizada. 

Ele citou os motivos da falta de entusiasmo diante do partido. “Primeiramente o comando precisa ser forte e voltado para objetivos bem claros. Segundo, tem que dar condição de exercício político no Estado, condição difícil, mas não impossível porque o partido ainda não está organizado”.

Ainda segundo o deputado, é preciso que o partido faça exercício de ‘futurologia’. “Isso baseado no passado onde o PSL e sua liderança desconstruíram o que foi solidificado pelos dirigentes anteriores, e o DEM remanescente, terá que se impor sem mais existir”.

Ovando é candidato à reeleição, mas disse tentar outro cargo apenas se a ministra da Agricultura, (DEM)  for candidata a vice do presidente da República, Jair Bolsonaro (PL). “Por enquanto não tenho partido. Estou negociando ainda qual partido abraçar”.

Veja também

Corte prepara veículos para sorteio da ordem dos candidatos na propaganda obrigatória

Últimas notícias