Política

Prefeito diz que protestos pacíficos em Campo Grande apontam maturidade política

Grupos a favor e contra Bolsonaro ocuparam as ruas de Campo Grande no dia 7 de setembro, sem registro de confusão ou brigas

Renata Volpe e Mayara Bueno Publicado em 08/09/2021, às 08h57

Marquinhos Trad afirmou que protestos mostraram maturidade política
Marquinhos Trad afirmou que protestos mostraram maturidade política - Marcos Ermínio, Jornal Midiamax

As manifestações políticas realizadas em Campo Grande no dia 7 de setembro, a favor e contra o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), apontam maturidade política, de acordo com a avaliação do prefeito da Capital, Marquinhos Trad (PSD).

A população foi às ruas ontem para manifestar apoio ao presidente, durante a manhã. A carreata começou às 9h e às 13h os manifestantes ainda estavam na Avenida Afonso Pena. 

À tarde, foi a vez do Grito dos Excluídos. Por volta das 15h, o grupo ocupou a Praça Ary Coelho, região central da cidade, e fez passeata. A manifestação contra Bolsonaro se dispersou às 18h. Não foram registradas brigas entre os grupos.

Sendo assim, o prefeito avalia que as manifestações foram pacíficas. “A democracia se fundamenta no direito de ouvir e ser ouvido. Ao menos em Campo Grande, prevalece o sentido de respeito ao contraditório”.

Marquinhos disse ainda esperar que este seja um indicativo de maturidade política. “Isso para que as eleições de 2022 reflitam a legítima vontade popular”.

Jornal Midiamax