Questionado sobre o próximo ano da Capital, com base nos resultados da gestão deste ano, Marquinhos se mostrou confiante no cenário de 2022. “Equilibrada, próspera, pujante”, definiu o futuro de .

Além disso, disse que a Cidade Morena conta “com a perspectiva de muitas e muitas obras com a retomada da economia logo após a pandemia”. Na ocasião, Marquinhos lembrou do início da gestão.

“Cada folha da prefeitura gira em média em R$ 180 milhões e eram quatro folhas atrasadas”. O prefeito lembrou que foi feito um calendário após conversas com as entidades de servidores e “todas as datas foram honradas”.

A entrevista foi transmitida nesta manhã no perfil da rádio nas redes sociais. 

Saiba Mais