Política

Em Aparecida do Taboado, Justiça Eleitoral homologa 5 e indefere uma candidatura à prefeitura

Em Aparecida do Taboado, a juíza Kelly Gaspar Duarte Neves, da 24ª Zona Eleitoral, homologou cinco e indeferiu um registro de candidatura à prefeitura. As sentenças foram publicadas no Mural Eletrônico do TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul). Os registros de José Natan (PODE), Luiz Carlos Vieira (DEM), Rodrigo Chapéu (PTB) e […]

Adriel Mattos Publicado em 07/10/2020, às 13h17 - Atualizado às 13h24

Foto: Arquivo / JPNEWS
Foto: Arquivo / JPNEWS - Foto: Arquivo / JPNEWS

Em Aparecida do Taboado, a juíza Kelly Gaspar Duarte Neves, da 24ª Zona Eleitoral, homologou cinco e indeferiu um registro de candidatura à prefeitura. As sentenças foram publicadas no Mural Eletrônico do TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul).

Os registros de José Natan (PODE), Luiz Carlos Vieira (DEM), Rodrigo Chapéu (PTB) e Sirlei Melo (MDB) receberam parecer favorável do MPE (Ministério Público Eleitoral).

Quanto à candidatura de Djalma Furquim (PDT), o órgão sustentou que o pedetista é inelegível por ter suas contas julgadas irregulares pelo TCE (Tribunal de Contas do Estado) quando ocupou o cargo anteriormente. A defesa de Furquim se manifestou alegando que não houve improbidade.

Assim, a juíza negou o registro. Ainda cabe recurso.

Jornal Midiamax