Comissão na SED levanta suspeita de terceirização da educação em MS

Amarildo cobrou respostas da secretária
| 20/09/2017
- 18:27
Comissão na SED levanta suspeita de terceirização da educação em MS

Amarildo cobrou respostas da secretária

O deputado estadual (PT), aproveitou a presença de um grande número de servidores administrativos da educação estadual, para questionar a SED (Secretaria de Estado de Educação) sobre uma comissão criada no começo desta semana.

O petista usou a palavra, na sessão desta quarta-feira (20), para cobrar do governo estadual respostas sobre a designação de uma comissão especial para credenciamento de Organizações da Sociedade Civil – OSC.

“Não tem mais concurso, vai começar a contratar empresa? É o fim dos tempos. O governo tem que dizer para que ele quer essa comissão. Para terceirizar a educação?”, questionou Amarildo.

A publicação feita no Diário Oficial do Estado da última segunda-feira (18), trouxe a designação de cinco servidores para integrarem a comissão, que será presidida por Alessandro José Perassoli, e terá como membros Flavio Luiz Pezzi Gouvea,  José Silvio Rocha Gimenes, Katia Maria Rizzo e Leily Mara Barbosa Fernandes.

Veja também

Só estão permitidos atos de campanha a partir do dia 16 de agosto, de acordo com o calendário divulgado pelo TSE

Últimas notícias