Vereadores justificam gastos com combustível alegando ‘andança’

Legisladores percorrem pela cidade em busca de melhorias à população
| 22/07/2015
- 01:01
Vereadores justificam gastos com combustível alegando ‘andança’

Legisladores percorrem pela cidade em busca de melhorias à população

Por meio da assessoria de imprensa, a Câmara Municipal justificou a quantidade de combustível gasta durante seis meses pelos vereadores. Em nota, a Casa de Leis alega que, com base no cálculo feito pelo Jornal Midiamax, os aproximadamente 130 mil litros de gasolina consumidos em um semestre corresponde a 722 litros diários que, por usa vez, são divididos entre os 29 vereadores. Divisão que resulta em 25 litros para cada um. 

“Quantia para o parlamentar e sua respectiva equipe de assessoria usar em visitas a diferentes bairros colhendo informações, reivindicações, além de entregar ofícios e fazer cobranças em secretarias. Garantindo, assim, que a população seja atendida”, diz a nota.

A conta, porém, considera 180 dias, sendo que os legisladores têm recesso de mais de um mês no início do ano, bem como duas semanas ao final do primeiro semestre, além de teoricamente não trabalharem aos fins de semana.

De acordo com estimativa feita com base nos gastos dos vereadores por meio da , pouco mais de R$ 387 mil foi pago em combustível de janeiro a junho. Convertendo o valor em gasolina, avaliada em média R$ 3 reais o litro na Capital, os 29 usaram quase 130 mil litros. Tirando como exemplo um carro popular que percorre 10 quilômetros com um litro, os nobres pares ‘andaram’ cerca de 1,3 milhão de km, quilometragem suficiente para dar 32 voltas e meia ao redor da Terra.

Veja também

Últimas notícias