No Dalva de Oliveira, falta de rede de esgoto é principal reclamação

Legislativo do Município faz sessão comunitária no bairro
| 06/05/2015
- 17:57
No Dalva de Oliveira, falta de rede de esgoto é principal reclamação

Legislativo do Município faz sessão comunitária no bairro

Falta de rede de esgoto e de infraestrutura básica, de forma geral, é a principal reclamação de moradores e lideranças comunitárias que participam, na manhã desta quarta-feira (6), de sessão comunitária da Câmara Municipal no bairro Dalva de Oliveira, região leste de Campo Grande. Até o fechamento deste texto, 15 dos 29 parlamentares participam dos trabalhos.

“O problema (da falta de rede de esgoto) é muito sério, todos reclamam disso”, resume o morador Valter César Filho. Segundo o presidente da Associação de Moradores do Dalva de Oliveira, Cleberson Silveira, há informações de que não há nível no terreno de forma a permitir execuções de obras, mas “entregaram um condomínio recentemente que tem até asfalto, e para eles foi feita a rede de esgoto”.

Ainda conforme Silveira, outro problema está no posto de saúde da região. Ele diz que as pessoas ficam “até cinco horas” para serem atendidas por servidores mal educados.

A cacique da Aldeia Urbana Marçal de Souza, Cremilda Silva, pediu que parte do memorial instalado na região seja desmembrado para implantação de um centro comunitário. Ela reclamou que políticos só aparecem na região em época de campanha eleitoral.

Já Valéria Nunes, moradora do Terra Ville, questionou se algum vereador andou recentemente pelo bairro. Segundo ela, as ruas no local estão intransitáveis e falta infraestrutura básica.

Veja também

Prêmio será dado pelo programa Teleinterconsulta implantado na Capital

Últimas notícias