A lista que está circulando nos grupos de WhatsApp com o nome das ruas fiscalizadas por drone do BPMTran (Batalhão da Polícia Militar de Trânsito) em Campo Grande deve aumentar em breve.

A informação foi confirmada ao Jornal Midiamax pela Tenente Thais Lechuga. “Já irá aumentar esse número de ruas. Praticamente todas as ruas de grande fluxo de Campo Grande serão fiscalizadas por drones”, diz.

A lista que está rolando nas redes sociais traz os nomes de 10 pontos de fiscalização nos quais o Batalhão está trabalhando. A Tenente ressalta que não há crime na divulgação da lista como no caso das Blitzes.

A situação dos drones se assemelha a dos radares. Há placas sinalizando que o BPMTran está fiscalizando naquele local. Entretanto, ainda não há previsão para que a fiscalização aumente.

O equipamento vai atuar de maneira permanente e fará parte da rotina de trabalho do batalhão. Por enquanto, apenas um drone é utilizado, mas já há processo de aquisição de mais aparelhos.

10 infrações por hora em Campo Grande com drone

A partir de agora, os condutores flagrados pelos drones em infrações serão multados. Os equipamentos possuem objetivo de auxiliar a otimizar o efetivo da fiscalização e aumentar a linha de visão dos policiais.

De acordo com o tenente-coronel Carlos Augusto Regalo, comandante do batalhão, na segunda-feira (8) – quando a fiscalização começou -, foram aplicadas, em média, 10 notificações por hora.

Ao todo, foram 187 AITs (autos de infração de trânsito) aplicados: