Acidente envolvendo quatro carros deixa duas pessoas desacordadas em bairro da Capital

Dois rapazes ficaram desacordados depois de se envolverem em um acidente na Avenida Aracruz, no Jardim Novos Estados, região norte de Campo Grande. A colisão ocorreu por volta das 18 horas deste domingo (17). O motorista do Voyage, branco, placas HQF-1505, de Campo Grande, Luiz Henrique Dias da Silva, de 22 anos, e o passageiro […]
| 18/08/2014
- 02:02
Acidente envolvendo quatro carros deixa duas pessoas desacordadas em bairro da Capital

O motorista do Voyage, branco, placas HQF-1505, de Campo Grande, Luiz Henrique Dias da Silva, de 22 anos, e o passageiro Cleberson dos Santos Garcia sofreram ferimentos na face e chegaram a desmaiar. Eles foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros e pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e encaminhados para a Santa Casa.

De acordo com testemunhas, um gol, modelo quadrado fechou o Voyage. O motorista, que transitava no sentido bairro/centro, teve de jogar o carro para a direita, momento em que arrancou o retrovisor do Fiat Uno, branco, placas NRF-0401, de Campo Grande (MS) e ainda atingiu o Kia Sportage, prata, placas HSY-9349, de Campo Grande (MS). Com o impacto da batida, o Sportage ainda se deslocou por aproximadamente 5 metros.

O empresário Patrick Vasconcelos, de 23 anos, estava na varanda de casa quando ouviu o barulho do acidente. Ele é o dono do Sportage e disse que, logo após a batida, conversou com o motorista, que desmaiou em seguida. Ele afirmou também que o passageiro já estava desacordado. 

Testemunhas afirmam que o motorista do Gol, que teria provocado o acidente, quando viu a batida subiu no canteiro da avenida e fugiu no sentido contrário. Moradores da região dizem que as pessoas correm muito na Avenida Aracruz. “Tem gente que anda a 100, 120km/h nessa avenida”, afirma o morador Nelson Sampaio, de 43 anos.

Ainda de acordo com pessoas da vizinhança, os acidentes na região são comuns. “Já teve uma batida aqui no mesmo lugar. Um carro com quatro pessoas bateu em uma árvore do canteiro porque estava correndo muito e perdeu o controle”, disse o serralheiro Renato Moraes, de 33 anos.

O Voyage ficou atravessado na via, prejudicando o trânsito. Os bombeiros ficaram no local aguardando a equipe da BPTran (Batalhão de Polícia Militar de Trânsito). Ainda de acordo com a equipe do Corpo de Bombeiros que atendeu o acidente, Luiz Henrique não portava CNH, mas afirmou que apenas esqueceu o documento em casa.

Veja também

Ele era natural de Minas Gerais e chegou a ser socorrido, mas não resistiu

Últimas notícias