Operação “Silent Hill” – que faz parte da Operação SulMaSSP -, deflagrada nesta terça-feira (7), em Amambai, a 350 quilômetros de Campo Grande, contou com helicóptero e 49 viaturas nas ações que prenderam nove pessoas, apreenderam fuzis, drogas, aparelhos eletrônicos e mais de R$ 3 milhões em folhas de cheque.

De acordo com Polícia Civil, investigações realizadas entre janeiro e março deste ano revelaram uma série de assassinatos e tentativas de homicídio na cidade. Policiais da Defron (Delegacia de Repressão aos Crimes de Fronteira) também traçaram a atuação de duas organizações criminosas na região.

Conforme as investigações apontaram, os grupos atuavam no tráfico de drogas e contratavam pessoas armadas para matar integrantes de organizações rivais.

Os crimes eram cometidos a fim de manter o controle do tráfico de drogas na área de fronteira, incluindo também outros Estados.

Nesta manhã, durante a operação realizada em Amambaí, Aral Moreira, Coronel Sapucaia, Tacuru, Dourados, Xaxim (SC), Toledo (PR), e São José do Rio Preto (SP), foram cumpridos 43 mandados de busca e apreensão, além da prisão de 9 pessoas.

Os policiais tamém apreenderam diversos aparelhos celulares e dispositivos eletrônicos, entorpecentes, 3 revolveres (calibre 32 e 38), 2 pistolas calibre 9mm, 3 fuzis (calibre 22 e 9mm), diversos documentos, joias, quase 3 milhões em folha de cheque e cerca de 32 mil reais em dinheiro.

Os presos na operação foram autuados em flagrante por porte e posse de arma de fogo de uso permitido e de uso restrito e tráfico de drogas.

A Operação foi coordenada pela Defron e contou com 39 equipes da Polícia Civil do Estado, do DPI (Divisão Policial do Interior), DPC (Departamento de Polícia da Capital) DPE (Departamento de Polícia Especializad), 4 equipes do DOF (Departamento de Operações de Fronteira da Polícia Militar).

Também houve apoio aéreo do helicóptero da Sejusp MS (Secretaria de Justiça e Segurança Pública do Estado do Mato Grosso do Sul), participação da Polícia Civil do Paraná, Santa Catarina e São Paulo. Todo o material apreendido será periciado.

Silent Hill

A operação teve o nome inspirado em uma cidade fictícia de um jogo virtual. No game a cidade é é controlada, durante à noite, por criaturas do submundo.

Ainda no jogo, o personagem principal descobre as causas e circunstâncias das presenças das criaturas que dominam a cidade.