Agentes do SIG (Setor de Investigações Gerais) do 2º DP (Distrito Policial) fecharam uma ‘boca de fumo’ comandada por uma mulher de 60 anos. Ela ficou conhecida no Bairro Canaã III, em Dourados, como ‘vovó do tráfico’.

Na ação, dois irmãos de 30 e 22, entre eles um genro da idosa, foram flagrados na residência, que já era monitorada pelos policiais. A dupla era responsável pela entrega dos entorpecentes.

De acordo com o boletim de ocorrência, a residência já era monitorada há algum tempo e na terça-feira (12), os agentes flagraram intensa movimentação de usuários de drogas no local para comprar crack.

No sutiã de Luzinete os policiais encontraram um saco plástico com porções de crack que pesaram 115 gramas. Em seu bolso foi localizada grande quantidade de dinheiro em notas trocadas e de diversos valores.

A ‘vovó do tráfico’ já têm registradas contra ela outras três passagens policiais por tráfico de drogas, sendo a primeira em 2009, há 14 anos.

Enquanto os policiais estavam no local, diversos outros usuários de drogas chegaram para comprar entorpecentes, inclusive um deles foragido da Justiça.

Após as detenções, a localização da droga e do dinheiro, os envolvidos foram encaminhados à 2ª Delegacia de Polícia Civil de Dourados para os procedimentos cabíveis.