Carvoaria ilegal que funcionava em foi descoberta e multada em R$ 73,3 mil durante abordagem da PMA (Polícia Militar Ambiental). No local, policiais ainda localizaram um homem que tinha mandado de em aberto e trabalhava na empresa irregular. 

De acordo com informações da equipe, policiais faziam ronda na área rural da cidade, quando encontrara dois caminhões abandonados, carregados com lenha de árvores nativas diversas. Durante buscas para encontrar os responsáveis pelos veículos, os militares encontraram uma carvoaria próximo ao local.

Em vistoria, foram encontradas cargas de lenha, carvão em sacos e fornos para preparo do material. Analisando a documentação ambiental e funcionamento foi constatado que toda a madeira e o carvão produzido descumpriam ambiental e não tinham DOF (Documento de Origem Florestal).

Os produtos foram apreendidos e de R$31.869 aplicada pelo armazenamento irregular da lenha e outros R$41.500 pelo carvão, totalizando R$ 73.369. Os responsáveis pela carvoaria ainda serão responsabilizados administrativamente e responderão por crime ambiental.
Antes de deixar o local, os PMs suspeitaram da atitude de um dos funcionários, que demonstrava nervosismo além do natural. Em checagem, constataram que havia um mandado de prisão em aberto contra. Ele foi levado para a da cidade.