Um homem foi preso na tarde deste sábado (7), depois de agredir a mulher e os filhos, no Bairro Moreninha III em . As gritaram por ajuda e foram socorridas por vizinhos.

Segundo testemunhas, as crianças de 2, 5 7, 11 e 12 anos, estavam desesperadas e diziam que o pai estava tentando matar a mãe. Preocupados, os vizinhos acionaram a , foram à casa e ajudaram as crianças a saírem da residência.

Ainda de acordo com moradores da região, um menino, de sete anos, estava com marca de mordida no braço e disse aos vizinhos que foi mordido ao tentar fazer com que o pai parasse de agredir a mãe.

“As crianças estavam gritando muito. Ficamos preocupados e fomos até lá. Elas diziam que o pai estava tentando matar a mãe estrangulada. Um dos filhos tentou separar e foi mordido pelo pai”, relata uma moradora.

Logo que as crianças foram retiradas da residência, a mulher saiu desorientada e caiu no meio da rua. Pouco depois, ela levantou e retornou para a casa onde a família mora. “Ela estava toda machucada. Descabelada e desnorteada. Saiu e caiu no meio da rua. Depois ela levantou e foi a dentro da casa de novo”, conta.

Conforme as testemunhas, as agressões são constantes e denunciadas com frequência, no entanto, sem solução. “Essas agressões ocorrem há uns três anos. A gente sempre denuncia, a Polícia vem, diz que é apenas briga entre casal e vai embora. Sabemos que as crianças sofrem maus tratos e acionamos várias vezes o Conselho Tutelar que nunca vem verificar”, denuncia.

Os vizinhos afirmam que depois que a mulher retornou para a casa, as agressões e gritos continuaram. A Polícia Militar foi acionada e quando chegaram ao local, o homem estava ameaçando a mulher com uma faca. Ele foi preso em flagrante.

A equipe de reportagem do Jornal Midiamax tentou falar com o Conselho Tutelar e com o Batalhão da Polícia Militar que atendeu a ocorrência, no entanto não conseguiu contato. A mulher foi socorrida com os filhos por uma equipe do Corpo de Bombeiros.