O , de 74 anos, que foi socorrido na segunda-feira (20) após ficar soterrado depois da casa em que morava desabar no Bairro Nova Campo Grande, continua internado na Santa Casa.

Detalhes sobre o estado de saúde do idoso não foram informados, por não conseguir localizar o acompanhante da vítima para pedir autorização.

O idoso estava na cozinha quando, por volta das 9h50, o telhado caiu. Lucas Perotti, que é vizinho da vítima, contou que ouviu dois estrondos vindos de sua residência. Em seguida, idoso gritou pedindo ajuda.

“Ainda bem que ele pediu socorro, senão poderia ter morrido”, disse. Ainda segundo Lucas, ele e outros vizinhos foram até a residência do idoso para retirá-lo debaixo de telhas e tijolos que caíram por cima do peito e das pernas.

O idoso foi socorrido pelo e encaminhado ao hospital.

Teto da cozinha ficou completamente destruído (Foto: Marcos Ermínio/Midiamax)

Acúmulo de fatores

Conforme os , a situação da casa é crítica e idoso não pode mais voltar a morar lá. Segundo vizinhos, vítima reside sozinho no local em situação precária, sem energia elétrica e água. Residência também já pegou fogo anteriormente. Dessa forma, os bombeiros acreditam que o motivo do teto ter caído nesta segunda-feira foi um acúmulo de fatores e que a chuva pode ter contribuído.

Logo na entrada é possível ver a depredação da residência, com paredes sujas de mofo e mato no quintal. Ainda conforme vizinhos, o idoso recebe aposentadoria e não aceita ser internado. Além disso, usuários de drogas já entraram na casa. O Conselho Tutelar já teria sido acionado sobre esse caso.