Foi identificado como Douglas Henrique Coelho Gomes, de 26 anos, o homem que está sendo procurado pela Polícia Militar na tarde desta quarta-feira (22) em Campo Grande.

Em 2021 ele foi condenado a 9 anos e 8 meses de prisão pelo homicídio do jovem Elizeu Cordeiro Neto, de 19 anos, e também por porte irregular de arma de fogo. O crime aconteceu em agosto de 2017, no Jardim Itamaracá, após desentendimento entre Douglas e a vítima.

Com mandado de prisão em aberto, Douglas trocou tiros com a polícia militar após tentativa de abordagem nesta quarta-feira, na Rua Professor Hilário da Rocha, no Jardim das Perdizes.

Carro usado por Douglas será guinchado para delegacia (Foto: Marcos Ermínio/Midiamax)

Ele estava em um Honda Civic e fugiu a pé, para uma região de mata, depois de perder o controle da direção, bater no meio-fio e perder uma roda do carro. Equipe do Batalhão de Choque ainda está no local fazendo buscas.

Conforme apurado, Douglas é morador do Jardim das Perdizes e frequentemente é visto pelos moradores da região usando drogas com outro rapaz. O carro usado por ele será guinchado para a 4ª Delegacia de Polícia Civil.

Além do homicídio de Elizeu, Douglas tem passagens por porte ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas.

Elizeu tinha 19 anos e foi morto em 2017 (Foto: Redes Sociais)

Assassinato em 2017

Elizeu e Douglas tiveram um desentendimento e se agrediram na conveniência que estavam, na Avenida Guaicurus. Depois da confusão, Douglas saiu para buscar uma arma de fogo e Elizeu, desconfiado que isso poderia acontecer, fugiu.

Sem desistir de se vingar, Douglas continuou procurando por Elizeu no dia seguinte, dessa vez acompanhado do comparsa Aslan Toledo Teixeira. Douglas atirou várias vezes contra Elizeu enquanto Aslan dirigia o carro.

A vítima foi atingida duas vezes antes de morrer no Jardim Itamaracá e Douglas se entregou à polícia dias após o assassinato. O julgamento de Douglas aconteceu em 2021.