Logo após tentar matar a mulher com facadas no pescoço, homem de 41 anos foi preso em flagrante na tarde desta sexta-feira (13), no São Francisco. Ele teria contado a um familiar que tinha “feito besteira” e não tentou fugir.

Conforme a tia-avó do acusado, que mora na casa vizinha, o casal está junto há 7 anos e as brigas são constantes. Por causa das discussões, eles já teriam separado e reatado algumas vezes.

Além disso, os dois teriam problemas com bebidas alcoólicas. Na última semana, a mulher, de 49 anos, teria saído da casa, ficando quatro dias fora. Mas, nesta sexta-feira ela retornou.

Ainda segundo a tia-avó do autor, o casal dormia quando ela saiu para ir ao médico. Quando voltou, o filho disse “Corre lá que ele fez besteira”, se referindo ao autor.

Então, quando a familiar chegou na casa, encontrou a vítima deitada na cama, toda ensanguentada e inconsciente. O autor teria ido até a casa dela e dito ao primo “Fiz besteira”, mas o familiar não quis se envolver, por já ter problemas com a polícia.

Assim, a tia-avó acionou a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros e a vítima foi socorrida. Também conforme os bombeiros, a vítima corre risco de morte e o estado de saúde é gravíssimo.

Ela foi encaminhada para a Santa Casa. Já o marido foi preso em flagrante na casa e responderá por tentativa de feminicídio. Ele teria dito que foi agredido a tapas pela esposa antes de esfaqueá-la.