Policiais da (Delegacia Especializada em Repressão a Roubos e Furtos de Veículos) prenderam um falso policial de 39 anos que roubou dois veículos na Capital nesta segunda-feira (6). Também foram presos dois homens por receptação qualificada.

O falso policial foi preso em dois roubos de veículos ocorridos em janeiro, quando o autor se passou por oficial de justiça e por policial civil, respectivamente.

De acordo com a polícia, junto com comparsas ainda não identificados, abordou, no dia 25 de janeiro de 2023, uma vítima na condução do seu Ford Fiesta e, ao se identificar como oficial de justiça, anunciou que possuía ordem judicial para apreensão do automóvel. Nesse momento, apesar de confrontado, o suspeito puxou as chaves das mãos da vítima com violência, machucando-a, e saiu rapidamente com o veículo.

Ainda de acordo com a polícia, no dia 8 de fevereiro de 2023, com o mesmo modus operandi, porém se passando por policial civil, o autor e mais três indivíduos abordaram outra pessoa, afirmando que iriam apreender o VW/Gol da vítima e levá-lo à Depac-Cepol.

No dia 13 de fevereiro de 2023, a equipe de investigação da Defurv obteve informações de que o VW/Gol da segunda vítima estava sendo anunciado em e que um homem, ao saber da procedência ilícita do carro, exigiu da vítima para devolvê-lo.

Após diligências, a equipe policial localizou o homem de 37 anos que exigiu dinheiro da vítima para devolver o veículo. O VW/Gol foi encontrado em uma garagem de venda de automóveis usados, de propriedade de outro homem de 51 anos. Ambos foram presos em flagrante pela prática do crime de receptação qualificada, uma vez que os dois sabiam que o VW/Gol se tratava de produto de roubo e, ainda assim, o ocultaram e exigiram pagamento da vítima para devolvê-lo.

Verificou-se, ainda, que o falso policial já possui vasto histórico policial pela prática de crimes semelhantes, isto é, se passando por policial para subtrair bens alheios, no ano de 2017, tendo ficado preso preventivamente até 24 de janeiro de 2023, ocasião em que se evadiu do sistema prisional.

Diligências continuam a fim de elucidar todas as autorias dos delitos e de localizar o Ford/Fiesta subtraído e ainda não recuperado. Denúncias sobre furtos e roubos de veículos podem ser comunicada no WhatsApp (67) 9253-5067.