Iván Fabricio Duarte Acosta, preso da Penitenciária Regional Pedro Juan Caballero, na fronteira com , no Mato Grosso do Sul, foi morto nesta sexta-feira (3). O detento foi assassinado por um colega de cela com diversas facadas no rosto.

O assassino já foi identificado pela polícia. Trata-se de Jesús Ariel Romero, integrante do (Primeiro Comando da Capital) que se declarou autor do crime, de acordo com informações da Polícia Nacional.

A vítima tinha antecedentes criminais por furto, em 2020, tentativa de roubo, em 2021, e dois roubos agravados, em 2021.

Além disso, em setembro de 2020, ele havia fugido da 54ª Delegacia de Polícia de Lote Guazú, em San Lorenzo, momento em que foi recapturado em questão de horas.

Saiba Mais